O Guia (Quase) Completo Sobre Barriga Negativa

A Barriga negativa é desejo de mulheres no mundo inteiro desde que a top Candice Swanepoel – uma das mais badaladas Angels da Victoria’s Secret – postou uma foto em seu Instagram ostentando uma barriguinha côncava (com uma certa curva para dentro). De fato, a foto da bela é inspiradora, mas pra alcançar a tão sonhada barriga negativa, é necessária a boa e velha persistência.

Pode parecer clichê, mas os nutricionistas sugerem que na alimentação encontram-se 70% dos recursos necessários para se conquistar a barriga zero. É claro que nenhum dos especialistas descartam os exercícios físicos, mas a gente sabe que de nada adianta treinar pesado sem uma alimentação adequada.

Existe ainda o programa Queima de 48h que ensina um método para queimar gordura até quando estiver dormindo. Se quiser assistir, clique aqui.

Quer ter uma barriga negativa? Então dê uma olhada nas dicas de alimentação e treinos abaixo que vão te ajudar nessa empreitada.

Alimentação para conquistar a barriga negativa

Barriga Negativa

– Nada de alimentos refinados como arroz branco, pão branco e etc. Dê preferência aos integrais, além de te ajudar a acumular menos gordura, eles reduzem os riscos de doenças do coração, infarto, diabetes e etc.

– Procure consumir mais fibras. Elas dão sensação de saciedade, fazendo com que você coma menos durante o dia. Além disso, diminui a absorção de gordura. Farinha de berinjela é uma ótima opção.

– Nutricionistas afirmam que 2 colheres de vinagre de maçã, antes do consumo do carboidrato, ajuda a diminuir a absorção de gordura.

– Inclua a chia na sua dieta. É fonte de ômega 3, rica em vitaminas e minerais e também dá sensação de saciedade.

Sugestão de refeições:

  • Café da manhã: pão integral, suco de fruta, iogurte natural ou então uma salada de frutas com aveia e mel é uma ótima opção para começar o dia com energia.
  • Almoço: arroz integral, filé de peito de frango grelhado/ carne grelhada / ovo cozido e bastante salada (alface, tomate, beterraba, cenoura e etc.).
  • Lanche da tarde: uma barrinha de cereal (sem ser aquelas com cobertura cheias de açúcar) ou uma fruta.
  • Jantar: arroz integral, omelete com tomate e cebola sem adição de óleo e uma salada de alface e tomate é uma ótima e saborosa opção para o fim de noite.

Dica extra:

O ideal é almoçar e jantar sem beber nada, mas se você não consegue e precisa beber alguma coisa, beba água. O suco é uma boa opção, mas nem tanto. Isso porque é mais vantajoso que você coma a fruta que fazer um suco desperdiçando, assim, as partes mais fibrosas e mais benéficas dela. Além disso, geralmente sentimos a necessidade de se adoçar o suco. Ou seja, adquire-se aí um consumo desnecessário de açúcar e adoçante.

Top 10 Alimentos que facilitam a conquista da barriga negativa

Alimentos Saudáveis

  1.  Aveia – rico em fibras que dá sensação de saciedade, regula o funcionamento do intestino, previne doenças crônicas entre muitos outros benefícios. Pode ser consumido na salada, com frutas, sucos e etc.
  2.  Salmão – ajuda a reduzir os níveis de triglicerídeos e a reduzir os níveis de colesterol, fortalece o sistema imunológico, é rico em ômega-3, entre outras coisas.
  3. Arroz integral – reduz a gordura abdominal e diminui os riscos de inflamação nas artérias.
  4.  Feijão – é rico em ferro, proteínas vegetais, fibras e sais minerais como potássio, fósforo e cálcio.
  5. Quinua – tem alto poder nutritivo e é comparado até ao leite materno. Contém vitaminas A, B1, B2, B3, E e C e conta ainda com diversos sais minerais, além de ser rico em fibras. Pode ser consumido em saladas, misturado no arroz e em outras receitas.
  6. Pera – previne doenças cardiovasculares, diabetes, o câncer de cólon, bexiga, endométrio, entre outros. É riquíssima em fibras e ajuda a perder aquela barriga porque ainda conta com um tipo de açúcar chamado levulose que é mais doce que os outros e ajuda a reduzir a vontade de comer doces.
  7. Chá verde – acelera o metabolismo e favorece a quebra de gordura. Além disso, também é antioxidante, traz sensação de saciedade, e ainda conta com muitos outros benefícios. Recomenda-se o consumo de 2 xícaras por dia antes das refeições.
  8. Banana – o “alimento dos atletas”, como é conhecida, é uma ótima opção para quem está de dieta, pois ela prolonga a sensação de saciedade e também ajuda a controlar a compulsão por doces, graças a uma substância chamada triptofano, que também ajuda no sono.
  9. Chia – a chia é um dos alimentos mais completos. Ela é rica em fibras, vitaminas, proteinas, entre muitos outros nutrientes. Regula a taxa de colesterol e fortalece o sistema imunológico. Recomenda-se 2 colheres de sopa por dia, o que equivale a 25 gramas. Pode ser consumida com salada, sucos, vitaminas e pode ser incluída também em receitas.
  10. Chocolate – na maioria das vezes que se ouve dizer que chocolate faz bem à saúde, tenha em mente de que se trata do chocolate amargo, que é rico em cacau. Um estudo publicado na conceituada revista científica International Journal of Obesity sugere que consumir esse tipo de chocolate amargo pela manhã em jejum ajuda no emagrecimento, já que ele dá sensação de saciedade. Estudos recentes mostram também que o consumo moderado do chocolate amargo reduz os níveis da pressão arterial. Recomenda-se o consumo de uma barrinha (um quadradinho) por dia pela manhã e em jejum.

Dicas e Exercícios para conquistar a barriga negativa

Exercícios para Barriga Negativa

Antes do treino, recomenda-se ingerir:

– Fonte de carboidrato de baixo índice glicêmico, com um fio de mel e aveia: banana com aveia e mel.

Após o treino, recomenda-se uma pausa de 30 minutos e, depois, a ingestão de um iogurte natural com chia, por exemplo. Existe também uma série de outras dicas secretas que você pode assistir clicando aqui.

Além de uma alimentação adequada e exercícios físicos, procure uma clínica estética para sessões de drenagem linfática. Ela é importante para tratar a retenção de líquido que deixa o corpo mais inchado.

Você verá agora uma série de exercícios do programa Queima de 48h para se alcançar a barriga negativa. Vá com calma nos exercícios se estiver começando. Não adianta levar o corpo à exaustão sem estar habituado. Vá aumentando o nível de dificuldade conforme for se acostumando com os exercícios.

Vídeo: Exercícios Barriga Negativa

É bom lembrar que este artigo é de caráter informativo e, em hipótese alguma, substitui a avaliação de um nutricionista e de um profissional de educação física.

E você, quer ter uma barriga negativa? O que está fazendo para conquistá-la? Tem alguma dica? Conta aqui pra gente!

Beijos e até a próxima! :*

P.S: Se você quer saber Como obter 1 ano de Resultados em apenas 8 Semanas com apenas 15 minutos de exercícios POR DIA que você pode fazer na sala da sua casa, CLIQUE AQUI.

Sobre Larissa Carlos

Larissa Carlos é estudante, sempre em busca de uma vida saudável.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *